quinta-feira, 2 de abril de 2009

Comunicação entre desiguais

Uma das dificuldades na comunicação interpessoal é quando há o desnível entre os seus participantes. Os desníveis podem implicar em falta de equalização de conceitos, ou mesmo ausência deles em um dos interlocutores. Há fatores objetivos que podem influenciar: nível educacional, formação específica, especialização, atualização, etc..
Mas há o desnível que não é objetivo, mas subjetivo. E provém de uma arrogância: um dos interlocutores acredita saber infinitamente mais que a outra parte e, por este motivo, passa a desqualificá-la, interrompendo-a, contrariando-a ou mesmo impedindo-a de falar.
Esse tipo de comportamento faz com que, às vezes, os argumentos da outra parte sejam ouvidos e não considerados, mas desqualificados a priori. A comunicação não verbal costuma evidenciar essa posição: negativas com a cabeça, olhar esbugalhado (espanto), sorrisos de escárnio, olhares enviesados, e por aí vai.
Mais que o desrespeito pela parte contrária, esse tipo de arrogância impede seu agente de aprender. Impede-o de considerar seriamente os argumentos dos interlocutores e, por este motivo, torna-o cego para tudo que não seja de sua própria criação. faz com que seu auto-julgamento esteja sempre em patamares altos, o que não quer dizer que corresponda à realidade.
Na comunicação interpessoal já é um problema grave. Causa as picuinhas, as implicâncias, as constantes crises de comunicação. Nas empresas, faz com que sua percepção de ameaças seja restrita, a ponto de ameaçar o negócio, pois faz da proatividade um mero mito.
Em qualquer dos casos, a arrogância assassina a humildade, que é a base de muitos dos bons valores que o ser humano pode cultivar: respeito, bondade, simpatia, empatia. E mostra o lado sombrio do ser humano. A mesquinhez da desqualificação é somente uma de suas manifestações.
Arrogância
- substantivo feminino
1    ato ou efeito de arrogar(-se), de atribuir a si direito, poder ou privilégio
2    Derivação: por extensão de sentido.
qualidade ou caráter de quem, por suposta superioridade moral, social, intelectual ou de comportamento, assume atitude prepotente ou de desprezo com relação aos outros; orgulho ostensivo, altivez
3    Derivação: por extensão de sentido.
atitude desrespeitosa e ofensiva em atos ou palavras; insolência, atrevimento, ousadia

Update: a definição é do Houaiss.

Nenhum comentário:

Postar um comentário