sexta-feira, 4 de julho de 2008

Muito Prazer

Recebo alguns e-mails perguntando quem, afinal de contas, sou eu. Então, deixe que eu me apresente:

Sobre minha idade:

Eu nasci há dez mil anos atrás
e não tem nada nesse mundo que eu não saiba demais...

Raul Seixas

Na minha infância, a família. Ainda dizem que sou o queridinho. Pura intriga, e não nos esqueçamos do irmão e do pai:

Oh! Dias da minha infância!
Oh! Meu céu de primavera!
Que doce a vida não era
Nessa risonha manhã!
Em vez das mágoas de agora,
Eu tinha nessas delícias
De minha mãe as carícias
E beijos de minha irmã!

Casimiro de Abreu

A adolescência, aquela fase difícil, não foi tanto assim para mim. Mas foi uma perseguição louca, em busca de mim mesmo:

Aí veio a adolescência
E pintou a diferença
Foi difícil de esquecer
A garota mais bonita
Também era a mais rica
Me fazia de escravo do seu bel prazer...

Lulu Santos

Sobre meu trabalho, tenho a dizer que eu me divirto. Aproveito cada minuto para espreitar a natureza humana e curtir os bons momentos. Os momentos não tão bons assim, trabalho duro para melhorá-los:

Sem trabalho eu não sou nada
Não tenho dignidade
Não sinto o meu valor
Não tenho identidade...

Renato Russo

Meus amigos suspeitam que não me interesse por eles. Ao contrário, interesso-me até demais. Mas há limites:

Como é por dentro outra pessoa
Quem é que o saberá sonhar?
A alma de outrem é outro universo
Com que não há comunicação possível,
Com que não há verdadeiro entendimento.

Nada sabemos da alma
Senão da nossa;
As dos outros são olhares,
São gestos, são palavras,
Com a suposição de qualquer semelhança
No fundo.

Fernando Pessoa

Sobre meus relacionamentos, direto ao assunto:

Eu não faço amor por fazer
Tem que ser muito mais que prazer
Tem que ser todo dia
A grande magia de amar é viver

Zezé de Camargo e Luciano

Filosofias de vida, não como receita de bolo. Mais como bulas, que lemos e obedecemos somente o que nos interessa:

Sou um filho da natureza:
quero pegar, sentir, tocar, ser.
E tudo isso já faz parte de um todo,
de um mistério.
Sou um só... Sou um ser.
E deixo que você seja. Isso lhe assusta?
Creio que sim. Mas vale a pena.
Mesmo que doa. Dói só no começo.

Clarice Lispector (editada)

Não tente adivinhar o que as pessoas pensam a seu respeito.
Faça a sua parte, se doe sem medo.
O que importa mesmo é o que você é.
Mesmo que outras pessoas não se importem.
Atitudes simples podem melhorar sua vida.
Não julgue para não ser julgado...
Um covarde é incapaz de demonstrar amor
- isso é privilégio dos corajosos.

Ghandi

De vez em quando, se suspeito que receberei a visita
indesejada da tristeza, trato de colocar uma vassoura atrás da porta e a recebo
assim:

Oh tristeza, me desculpe
Estou de malas prontas
Hoje a poesia veio ao meu encontro
Já raiou o dia, vamos viajar
Vamos indo de carona
Na garupa leve do vento macio
Que vem caminhando
Desde muito longe, lá do fim do mar
Vamos visitar a estrela da manhã raiada
Que pensei perdida pela madrugada
Mas que vai escondida
Querendo brincar
Senta nesta nuvem clara
Minha poesia, anda, se prepara
Traz uma cantiga
Vamos espalhando música no ar.

Paulo César Pinheiro

Mas, se nós seremos amigos, é bom que você saiba que você pode se contaminar por este mantra, esta espécie de programação neuro-lingüística:

We are the champions - my friend
And we'll keep on fighting till the end
We are the champions
We are the champions
No time for losers
'Cause we are the champions of the world

Queen

Dizem que quando se copia de um só, é plágio. Quando se copia de muitos, é pesquisa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário