terça-feira, 3 de junho de 2008

Divas

Sempre fui fã de Elis Regina. Uma intérprete que, como poucas, contagiava com a emoção própria, sua platéia cativa e sempre crescente.

Tivemos Gal e Bethânia. E Simone. E parece que a era das intérpretes acabou. Mas ainda há uma, que além de uma belíssima voz, é low-profile, diferentemente das outras superstars desta nossa era.

A Kid Abelha, a Paula Toller, a última de nossas divas (até agora). E numa música deliciosa, que só mesmo na voz dela.

Nenhum comentário:

Postar um comentário