sexta-feira, 16 de novembro de 2007

Lembranças de Campinas

Dia destes, dia de muita chuva em Campinas, levei minha ao teatro do Shopping e resolvi passear (algo raro). Encontrei logo um casal que estudara comigo, já havia vários anos.

Lembramos de tudo e de todos, e lembramos até de quem nem lembrávamos.

E isto trouxe-me à mente imagens que, se você conheceu Campinas há alguns (vários) anos, deve lembrar-se também:

  • o balão do Castelo, onde os boyzinhos iam fazer gracinhas com seus carros;
  • o balão do Timbó, aquele pizzaria que não existe mais, mas que todos ainda citam como ponto de referência;
  • o Paulistinha, barzinho muito perto do City Bar, e ponto de parada obrigatória na saída das noites. um dos poucos que funcionavam 24h;
  • o Bate-Papo no Cambuí, outra parada obrigatória, esta ao raiar do dia, para tomar um caldo ou uma sopinha, devidamente acompanhada por uma cerveja gelada, para espantar a ressaca;
  • o Bar do Mazzola no Castelo;
  • o Faca Bar na Conceição;
  • o Ponto Chic na Sacramento;
  • o Cine Scorpius, um drive-in dos mais comportados;
  • o Choppão, às margens da lagoa do Taquaral, concentrava os passeios nos finais de semana à tarde;
  • o Eldorado, quase um shopping;
  • O Apocalipsis, Apô para os íntimos, bem à frente da Woo Doo, pontos dançantes pertinho do Guarani;
  • Por falar em Guarani, além de seus carnavais, os shows que aconteciam no ginásio;
  • O Concórdia;
  • A Quéops;
  • e tantas mais...
Falamos a não mais poder dessas coisas tantas e distantes. Eles, que já namoravam naquela época,agora casados, somente para não fugir da escrita, ficaram imaginando alguém para mim...

Enfim, lembrar é bom. Era uma época em que a violência era menor, as drogas ainda não tinham a força de hoje, os lugares eram mais tranqüilos. Como sempre digo à minha filha, queria que conhecesse cada um desses pontos de minha memória. Mas já sei que seria tedioso; ainda não tinha internet, nem celular, nem TV a cabo.

Mesmo assim, sobrevivemos. E aqui estamos para contar as histórias.

Nenhum comentário:

Postar um comentário